Loading...
Coda 20182018-11-09T12:45:16+00:00

SOBRE O CODA.BR

Pelo terceiro ano consecutivo, a Escola de Dados organiza sua conferência anual de jornalismo de dados e métodos digitais junto com grandes parceiros.

A programação do evento traz dezenas de workshops para você aprender com especialistas renomados as melhores técnicas para enriquecer seu trabalho.

O jornalismo de dados é uma área que conta com profissionais de diversos campos. Reuni-los em um só lugar para discutir questões comuns é um desafio.

Coda.Br é hoje esse ponto de encontro. E um espaço onde quem mantém a sociedade informada pode se qualificar para lidar com dados de forma efetiva.

Confira abaixo a programação completa do evento e os palestrantes convidados.

COMPARTILHE

Projetos, ideias, pautas, habilidades: passe adiante aquilo que você aprendeu na sua jornada de trabalho com dados!

APRENDA

Aumente seu repertório de habilidades no trabalho com dados nos mais de 40 workshops e bootcamps da nossa programação!

CONECTE-SE

Você não está sozinho: reúna-se com grandes especialistas do Brasil e do mundo em jornalismo de dados e métodos digitais

REFLITA

Discuta os principais desafios da área com referências internacionais, em painéis participativos e discussões de alto nível

KEYNOTES

ALBERTO CAIRO

University of Miami

Alberto Cairo

é detentor da Cátedra Knight de Jornalismo Visual na Universidade de Miami e diretor do programa de visualização no Centro de Ciências Computacionais da universidade. Também trabalha como freelancer e consultor permanente para empresas como a Google. Foi diretor de infográficos e multimídia no El Mundo, na Espanha, e na Editora Globo, no Brasil. É autor de duas obras de referências no mundo da visualização de dados, “The Functional Art: An Introduction to Information Graphics and Visualization” e “The Truthful Art: Data, Charts and Maps for Communication”.

JEREMY MERRIL

ProPublica

Jeremy Merrill

jornalista e desenvolvedor da ProPublica, usa programação para construir ferramentas e coletar dados inéditos, como anúncios políticos no Facebook, e classificar as prioridades dos Congressistas americanos usando aprendizado de máquina e processamento de linguagem natural. Antes da ProPublica, trabalhou no The New York Times construindo ferramentas para jornalistas. Participou do desenvolvimento do premiado projeto “Dollar for Docs”, que estruturou a mais abrangente bases de dados sobre conflitos de interesse em medicina nos EUA.

SARAH COHEN

Walter Cronkite School of Journalism

Sarah Cohen

é professora e Knight Chair de jornalismo da Walter Cronkite School of Journalism, foi editora de equipe de reportagem de dados no The New York Times cujos membros foram co-autores de dois projetos finalistas do Prêmio Pulitzer e contribuíram para uma investigação ganhadora do prêmio. Esteve por mais de uma década no The Washington Post, onde também recebeu o Pulitzer e outros grandes prêmios americanos. Presidiu a Investigative Reporters and Editors e foi conselheira de outras organizações de jornalismo sem fins lucrativos.

FERNANDA VIEGAS

Google

Fernanda Viegas

é pesquisadora sênior no Google, onde co-lidera a iniciativa PAIR (People + AI Research) e a equipe Big Picture. Seu trabalho se concentra em melhorar a interação entre humanos e IAs com uma agenda mais ampla de democratização da inteligência artificial. É especialista em visualização de dados e desenvolveu sistemas de visualização social e colaborativa que são usados diariamente por milhões de pessoas. É PhD pelo MIT Media Lab.

LARA MESQUITA

CEPESP - Fundação Getúlio Vargas

Lara Mesquita

Lara Mesquita é doutora em Ciência Política pelo IESP/UERJ, pesquisadora do Centro de Política e Economia do Setor Público – Cepesp/FGV, e participa da equipe que desenvolve o CepespData. Estuda política brasileira com foco em partidos políticos, eleições e sistemas eleitorais. É membro da Câmara de Pesquisadores do CEBRAP.

STEFFEN KÜHNE

Bayerischer Rundfunk

Steffen Kühne

é desenvolvedor de notícias interativas, especializado em análise de dados, visualização e storytelling. Estudou jornalismo e ciência da computação. Mais tarde ele se juntou ao Süddeutsche Zeitung, um dos maiores jornais diários de circulação nacional da Alemanha. Atualmente trabalha para a equipe de dados da Bayerischer Rundfunk, emissora pública localizada em Munique.

DANIEL WAISBERG

Google

Daniel Waisberg

Daniel Waisberg trabalha no Google como Analytics Advocate, onde desenvolve e gerencia plataformas de dados para uso interno. Ele também trabalha analisando e visualizando dados para criar narrativas interessantes e engajadoras. Daniel é autor do Google Analytics Integrations (Wiley, 2015) e fundador e editor do site online-behavior.com.

NEALE EL-DASH

Polling Data

Neale El-Dash

é consultor estatístico independente especializado em modelos estatísticos, programação e amostragem de pesquisa complexa. Trabalha há mais de 15 anos de em diversas áreas da estatística, na concepção e análise de pesquisas, e foi responsável pelo desenho de pesquisas aplicadas em diferentes países, como Brasil, Colômbia, México, Venezuela, Nigéria e EUA. Desenvolve e mantém o site Polling Data, que agrega enquetes publicadas no Brasil (e no mundo) para prever os resultados de eleições nacionais e locais.

PALESTRANTES

ADRIANO BELISÁRIO

Escola de Dados

Adriano Belisário

é jornalista, colaborador da Agência Pública, Escola de Dados, Witness. Há mais de 10 anos pesquisa e atua em projetos relacionados a tecnologias livres e de código-aberto. Desde 2017, desenvolve pesquisas para o Medialab/UFRJ onde aplica técnicas de Open Source Intelligence para construção de evidências em casos de violação de direitos humanos na América Latina.

ANDRÉ MINTZ

UFMG

André Mintz

é pesquisador e professor nas áreas de mídias digitais e arte digital. Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social da UFMG. Mestre pelo mesmo programa e em Culturas da Arte Mídia (Aalborg University, Danube University Krems e Lodz University).

CAMILLE MOURA

Open Knowledge Brasil

Camille Moura

é mestranda em Ciência da Informação na Universidade de São Paulo (USP) com pesquisa sobre proteção de dados pessoais no âmbito da administração pública. É bacharel em Políticas Públicas e em Ciências e Humanidades pela UFABC. Trabalhou na Controladoria Geral do Município de São Paulo entre 2014 e 2017, onde coordenou as áreas de Fortalecimento de Gestão, Transparência Ativa e Promoção da Ética.

CLARISSA CASTELLÃ XAVIER

UFRGS

Clarissa Castellã Xavier

é pesquisadora de pós-doutorado na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), mestre e doutora em Ciências da Computação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Começou a pesquisar Processamento da Linguagem Natural (PLN) em 1999 na PUCRS. Desde então, trabalhou para empresas multiculturais em todo o mundo, desenvolvendo ferramentas de processamento de linguagem com foco em mídias sociais e redes.

FERNANDA SCOVINO

LAB.ipp

Fernanda Scovino

Diretora de Criação no Laboratório de Inovação em Políticas Públicas (LAB.ipp). Graduanda em Matemática Aplicada (EMAp/FGV), trabalhou como analista de dados no projeto Congresso em Números do Centro de Tecnologia e Sociedade (CTS/FGV).

KEILA GUIMARÃES

Google News Lab

Keila Guimarães

é curadora de dados no Google News Lab Brasil, responsável por encontrar insights a partir dos dados de busca do Google. Como jornalista, contribuiu para diversas publicações brasileiras e internacionais, incluindo Bloomberg, Quartz, El Mundo, Folha de S. Paulo, The Telegraph e BBC Brasil.

MARCO TÚLIO PIRES

Google News Lab

Marco Túlio Pires

é o coordenador do Google News Lab no Brasil. Jornalista e programador, foi Coordenador de Telejornais na Globo e Repórter de Ciência em VEJA. Liderou as áreas de transparência, tecnologia e inovação na Secretaria de Desenvolvimento Social do estado de São Paulo e também foi coordenador da Escola de Dados no Brasil. Antes do Google, foi gerente global da School of Data supervisionando os trabalhos da rede em 15 países.

NICOLLE CYSNEIROS

PyLadies

Nicolle Cysneiros

é desenvolvedora fullstack no Labcodes e trabalha principalmente com Django e AngularJS. Faz parte do Grupo de Usuários Python de Pernambuco (PUG-PE) e do PyLadies Recife. É feminista e acredita na inclusão e empoderamento feminino por meio da tecnologia.

RENATA HIROTA

Volt Data Lab

Renata Hirota

é analista da agência de jornalismo de dados Volt Data Lab, graduada em Jornalismo e bacharelanda em Estatística na Universidade de São Paulo. Atua no projeto Atlas da Notícia, mapeamento inédito de veículos de notícias no Brasil, e em reportagens orientadas por dados.

TAÍS OLIVEIRA

UFABC

Taís Oliveira

é graduada em Relações Públicas, mestranda em Ciências Humanas e Sociais pela UFABC na linha de Cultura, Comunicação e Dinâmica Social. Também é pesquisadora membra do NEAB-UFABC (Núcleo de Estudos Africanos e Afro-Brasileiros) e Analista de Métricas na Associação Cidade Escola Aprendiz. Seus temas de pesquisa versam sobre mídias sociais, economia étnica, afroempreendedorismo, relações étnico raciais e Lei de Acesso à Informação.

ÁLVARO JUSTEN

Escola de Dados

Álvaro Justen

ou Turicas, é usuário, ativista e colaborador de projetos de software livre há mais de 9 anos, pythonista e disseminador do Arduino e de diversas iniciativas colaborativas. Atualmente ministra cursos sobre Arduino e Python por todo o Brasil, palestra em diversos eventos de tecnologia, desenvolve software em Python e vários projetos usando o Arduino.

BÁRBARA LIBÓRIO

Canal Meio

Bárbara Libório

é jornalista especializada em investigação, dados e visualização pela Universidad Rey Juan Carlos e pela escola de jornalismo da Unidad Editorial. Passou pelas editorias de economia dos portais Exame.com, iG e do jornal Folha de S. Paulo. Também foi repórter da revista semanal IstoÉ. Hoje é editora do Aos Fatos e também editora-adjunta do Canal Meio.

CAROLINE DANTAS SILVA

UFABC

Caroline Dantas Silva

é estudante do Bacharelado em Ciência e Tecnologia e futura neurocientista. Foi idealizadora e instrutora do curso de extensão Programação em Python: Inserindo mulheres na tecnologia na UFABC. Atua principalmente no ensino e capacitação de mulheres na área tecnológica, e estudos na área da neurociência computacional, através da análise de dados de imagens médicas.

DANIEL BRAMATTI

Estadão Dados

Daniel Bramatti

é editor do Estadão Dados, núcleo de jornalismo de dados do jornal O Estado de S.Paulo, veículo onde trabalha desde 2008. Entre 1994 e 2006, na Folha de S.Paulo, foi repórter, editor adjunto e correspondente na Sucursal de Brasília, na sede e em Buenos Aires, respectivamente. Em 2007, trabalhou no site Terra Magazine. É também um dos diretores da Abraji (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo).

GUILHERME JARDIM

Jota

Guilherme Jardim

é editor de dados no Jota. Atuou anteriormente como cientista de dados no Itaú iCarros e no Jornal “O Estado de S. Paulo”. Doutor em Direito Constitucional pela Universidade de São Paulo. Ministra aulas sobre R, Python, machine learning e modelos preditivos no Instituto Brasileiro de Pesquisa e Análise de Dados (IBPAD). Tem interesse em causalidade, inferência bayesiana, deep learning e blockchain.

LEONARDO LEITE

Serpro

Leonardo Leite

é desenvolvedor de software no Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). Possui graduação em engenharia de computação e mestrado em ciência da computação, ambos pela USP. É autor do Radar Parlamentar, um software livre que analisa os dados do legislativo brasileiro, e do blog Entrevistando Dados, sobre análise de dados com SQL. Também já ministrou cursos de SQL para jornalistas, gestores públicos e estudantes.

MARINA ATOJI

Abraji

Marina Atoji

é jornalista formada pela ECA-USP. Desde 2012, é gerente executiva da Abraji (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo), onde também atua como instrutora de cursos sobre a Lei de Acesso a Informações. Anteriormente, atuou na Transparência Brasil como editora e pesquisadora no Projeto Excelências, levantando informações sobre congressistas brasileiros.

PATRÍCIA NOVAIS

Instituto de Astronomia e Geofísica

Patrícia Novais

é astrofísica no Instituto de Astronomia e Geofísica da USP e desenvolve pesquisas na área de astrofísica extragaláctica, e possui experiência na área de ensino e divulgação de Física, Astronomia e Matemática. Participa do PyLadies SP, é conselheira do projeto Overleaf e atualmente trabalha como Cientista de Dados na Keyrus do Brasil, onde emprega o conhecimento adquirido na vivência acadêmica para propor soluções criativas para diversos cases.

ROSENTAL CALMON ALVES

Knight Center

Rosental Calmon Alves

é professor de jornalismo na Universidade do Texas em Austin, onde é titular da Cadeira Knight em Jornalismo e da Cadeira de Comunicação da UNESCO, além de fundador e diretor do Centro Knight para o Jornalismo nas Américas. Também fundou e organiza o Simpósio Internacional de Jornalismo Online. Foi consultor de estratégias de mídia digital para empresas de mídia na América Latina e na Europa, e é membro do conselho de várias organizações internacionais.

TARCÍZIO SILVA

IBPAD

Tarcízio Silva

é diretor de Pesquisa em Comunicação no IBPAD. Mestre e doutorando em Comunicação, professor convidado de especializações (Digicorp-USP, Unisinos, FBB), pesquisador acadêmico, organizou os livros “Monitoramento e Pesquisa em Mídias Sociais: metodologias, aplicações e inovações” e “Mídias Sociais: Saberes e Representações”. Tem experiência em agências digitais, ferramentas de monitoramento e pesquisa aplicada de inovação.

AMANDA ROSSI

BBC Brasil

Amanda Rossi

é repórter especializada em jornalismo de dados. Atualmente na BBC Brasil, foi produtora da TV Globo e liderou algumas das principais reportagens guiadas por dados da emissora. Integrou o Estadão Dados, é autora do livro-reportagem “Moçambique, o Brasil é aqui – uma investigação sobre os negócios brasileiros na África”, lançado em 2015 pela Editora Record. Formada em jornalismo pela USP.

BERNARDO LOUREIRO

Medida SP

Bernardo Loureiro

é urbanista e programador, especializado em mapeamento, análise e visualização de dados. Criador do laboratório de visualização urbana Medida SP. Graduado em arquitetura e urbanismo pela Universidade de São Paulo e mestre em desenho urbano pela Parsons School of Design de Nova Iorque.

CECÍLIA DO LAGO

Estadão Dados

Cecília do Lago

é repórter do Estadão Dados.

FERNANDA CAMPAGNUCCI

Pátio Digital / SME-SP

Fernanda Campagnucci

graduada em Jornalismo e mestre em Educação, é integrante da carreira de Analista de Políticas Públicas e Gestão Governamental na Prefeitura de SP, onde desenvolve projetos de transparência e integridade pública desde 2013. Coordena o Pátio Digital, iniciativa de governo aberto da Secretaria Municipal de Educação. É fellow de governo aberto da OEA e integrante da Rede de Líderes em Dados Abertos do Open Data Institute, de Londres.

JOSÉ ROBERTO CASTRO

Nexo Jornal

José Roberto Castro

Graduado em jornalismo, é mestre em Comunicação e Sociedade pela UFJF. Tem MBA em “Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais” pela BM&F Bovespa e faculdade UBS. Participou da segunda edição do Curso Estado de Jornalismo Econômico, do jornal O Estado de S. Paulo, e fez extensão em Economia e Finanças pela EESP da FGV. Desde 2015, é redator de economia e política no Nexo Jornal.

MANOEL GALDINO

Transparência Brasil

Manoel Galdino

é economista, mestre e doutor em ciência política pela Universidade de São Paulo, é diretor-executivo da Transparência Brasil. Tem mais de 10 anos de experiência com uso da linguagem R e modelagem estatística. Foi cientista de dados na indústria de tecnologia por cinco anos antes de assumir a direção da organização.

NATÁLIA MAZOTTE

Open Knowledge Brasil

Natália Mazotte

é diretora-executiva da Open Knowledge Brasil, onde lidera o programa da Escola de Dados, e co-fundadora da revista digital Gênero e Número. É docente nos cursos de pós-graduação em Jornalismo Digital da PUC-RS e da IESB e instrutora em cursos do Knight Center, da Universidade do Texas. Tem mestrado em comunicação na UFRJ e pós-graduação em Estratégia Digital na Universidade Pompeu Fabra.

PEDRO BURGOS

Impacto.jor

Pedro Burgos

é jornalista formado pela Universidade de Brasília (UnB), em 2003. Recebeu uma bolsa de estudos da Fundação Hoffman e tornou-se o primeiro estudante estrangeiro do Mestrado em Jornalismo Social do Centro de Pós-Graduação da Universidade da Cidade de Nova York (EUA), concluído em 2016.

SÉRGIO SPAGNUOLO

Volt Data Lab

Sérgio Spagnuolo

jornalista, fundador e editor do Volt Data Lab, é mestre em Relações Internacionais e Direitos Humanos pela PUC-SP. Em 2016, foi fellow do Tow-Knight Center for Entrepreneurial Journalism em Nova York. Já atuou pelas as agências Reuters e Mergermarket, pelo site de checagem Aos Fatos. Colaborou nas revistas AméricaEconomia, IstoÉ Dinheiro e Capital Abertos, e nos portais da revista piauí, Yahoo News, Estadao.com, UOL e Último Segundo.

TIAGO MALI

Abraji

Tiago Mali

é coordenador de cursos e projetos na Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. Formado pela PUC-SP, pós-graduado pela Universidade de Georgetown, foi editor na Revista Época, redator-chefe na Revista Galileu, editor dos sites da ONU e do PNUD no Brasil, repórter e editor no site Terra. Recebeu menção honrosa no Prêmio Vladimir Herzog 2014 pela matéria “Envenenados”, e foi um dos vencedores do Data Journalism Awards 2017 com o projeto Ctrl+X da Abraji.

LOCAL E HORA

Data: 10 e 11 de novembro de 2018

Horário: 8:30 às 19:00

Local: ESPM – Rua Dr. Álvaro Alvim, 123 – Vila Mariana

Realização

Escola de Dados
Open Knowledge Brasil

Parceria

ESPM

Desenvolvido com

Google News Initiative

Apoio

Abraji